10 de janeiro de 2012

Fuji X-Pro1 pois a Fuji ainda sabe fazer boas câmeras

   Sim, o título desta postagem é uma crítica ao absurdo lançamento simultâneo de 27 câmeras (das quais fica difícil destacar alguma realmente boa) que comentei aqui semana passada. É a tão aguardada câmera sem espelho da Fuji, com uma nova baioneta chamada de X (por enquanto, sem parceria com qualquer outra grande fabricante) e um novo sensor chamado de X-Trans. Entra na briga direta com Panasonic, Olympus, Sony e Samsung mas, por enquanto, só possui objetivas prime: FUJINON LENS XF18mm f/2 R, FUJINON LENS XF35mm f/1.4 R e FUJINON LENS XF60mm f/2.4 R Macro.
Visual muito parecido com o das outras câmeras da série X
   A Fuji X-Pro1 é equipada com sensor APS-C CMOS de 16.3MP; possui 49 pontos de autofoco; fotômetro de -2 a +2; sensibilidade ISO entre 100-25600; tempo de exposição varia entre 1/4000 e 60 segundos incluindo modo bulb; modo contínuo de até 6fps; fotografa em RAW e faz fotos panorâmicas com um só clique; possui sapata para flash com velocidade de sincronia a 1/180 de segundo; faz vídeos Full HD com taxa de 24fps em formato MOV com duração de 29 minutos; seu LCD mede 3 polegadas e possui viewfinder híbrido com altíssima resolução; e é alimentada por bateria com carga para 300 fotos.
Painel traseiro poderia ter mais botões de acesso direto
   Opinião do blogueiro: Qualidade não falta a esta câmera, parece que este sensor da Fuji mais uma vez sai na frente dos outros e oferece qualidade melhor que a de qualquer outra mirrorless mas o preço será um enorme problema: 1750 dólares é a previsão. Conta com os recursos de simulação de filmes Astia, Provia, Velvia e outros 7 diferentes tipos e 4 formas diferentes de se fazer bracketing. Recomendada para quem tiver dinheiro sobrando.

7 comentários:

  1. Parabéns Fuji! Vai brigar de frente com a Sony NEX-7 e com a Samsung NX 200.
    Mas espero que esse preço abaixe um pouco, e que saia pelo menos uma lente de zoom.

    ResponderExcluir
  2. Esse ano ainda saem mais 9 lentes, algumas com zoom mas não tô esperançoso com esse preço não. Pelo menos aqui no Brasil, Sony e Samsung vão continuar mandando nesse segmento.

    ResponderExcluir
  3. A Fuji perdeu a mão pra fazer câmeras "comuns", mas qdo se trata de câmeras especiais e com visual retrô, ela sabe fazer câmera como ninguém!! Olha só que coisa linda de viver!! ♥♥♥♥♥
    E pelo visto, boa tbém.

    ResponderExcluir
  4. Bela máquina mirrorles, uma dessa de presente seria um sonho!!!

    ResponderExcluir
  5. Ah se eu ganhasse na mega sena :(

    ResponderExcluir
  6. Rodrigo, quem já experimentou a X-100 diz que o grande diferencial dela (e que está presente na X-Pro1 também) é o visor ótico híbrido, que sobrepõe guias eletrônicas e fornece o quadro preciso da foto, bem como os demais parâmetros (abertura, tempo de exposição, iso, etc...). Deve ser uma brincadeira bem divertida (e cara...).

    ResponderExcluir
  7. Little Ed, ter os dois tipos de viewfinder em um só é realmente poder unir o melhor dos dois mundos, ideia sensacional.

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails